Entrevista com Cat Patrick!



Olá, leitores! Vamos conferir a entrevista que eu fiz com Cat Patrick, a autora de Deslembrança?

Versão traduzida da entrevista:

Lulu: O que é mais difícil em escrever um livro?

Cat: Como uma mãe de gêmeas, a coisa mais difícil para mim é achar o tempo para escrever. É como uma balança entre escrever os meus livros e tentar estar presente  com as minhas meninas. Elas vão para o jardim de infância no outono, e eu não quero desperdiçar tempo com elas. Elas crescem rápido demais.

Lulu: Tem alguma coisa que você gostaria de dizer para pessoas que querem se tornar um escritor?
Cat: Eu diria para se divertir com aquilo que você está trabalhando. Eu escrevo o meu melhor quando estou gostando do que estou fazendo.

Lulu: Como você achou inspiração para escrever Deslembrança?
Cat: Eu esqueci o que estava fazendo no meio de uma atividade, e comecei a pensar sobre amnésia e como deve ser horrível esquecer as pessoas e os momentos de sua vida. Mas então eu considerei: e se você pudesse lembrar o futuro para compensar esquecer o passado?

Lulu: Vai ter um segundo livro de Deslembrança?

Cat: Não, Deslembrança é único. Eu acho que o final dá o bastante sem dizer tudo, então o leitor pode imaginar o que acontece depois.

Lulu: Que tipo de livro você gosta de ler?

Cat: Eu gosto de ler livros com um pouco de estranho neles, ou mistérios. 

Lulu: Quem são seus autores preferidos?

Cat: Tenho muitos para contar! Quando eu era uma adolescente, Ray Bradbury fez um grande impacto em mim, então eu geralmente diria que ele é o meu favorito.

Lulu: Tem alguma coisa que você gostaria de dizer para seus fãs brasileiros?

Cat: Obrigada pelo amor e apoio! Muitas felicidades! 

NOTA: Cat Patrick disse "muitas felicidades" em português! 

                                       ------------------------

Versão original da entrevista: 

Lulu: What is more difficult in writing a book? 

Cat: As a mom of twins, the most difficult thing for me is finding the time to write these days. It's a tough balance between getting caught up in my books and trying to stay present with my girls. They'll be off to kindergarten in the fall, though, and I never want to speed up time with them. They grow up too fast as it is.  

Lulu: Is there something you would like to say for people who want to become a writer?
Cat: I would say to have fun with whatever you're working on. I write my best when I'm enjoying what I'm doing. 

Lulu: How did you find inspirantion to write Forgotten?
Cat: I forgot what I was doing in the middle of an activity, and began thinking about amnesia and how awful it would be to forget the people and moments in your life. But then I considered: What if you could remember the future to make up for forgetting the past? 

Lulu: Is there going to be a second book of Forgotten?

Cat: No, Forgotten is a standalone. I think the ending gives enough without telling everything, so the reader can imagine what happens next. 

Lulu: What type of book do you like to read?

Cat: I tend to read books with a little something strange to them, or mysteries. 

Lulu: Who are your favorite authors?

Cat: There are too many to count! When I was a teen, Ray Bradbury made a huge impact on me, so I generally say he's my favorite. 

Lulu: Is there something you would like to say for your Brazillian fans?

Cat: Thank you for your love and support! Muitas felicidades!

                                                 ------------------------
                     
                                             ---Lulu

2 comentários:

  1. Acho legal essas entrevista com escritores, pois assim novos escritores podem ver e ser incentivados, pois conseguem perceber que até escritores de livros conhecidos passam por dificuldades para chegar onde estão atualmente. Muito bom. Beijos,
    www.estejali.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Eduarda! Realmente, as entrevistas podem incentivar novos escritores...

      ---Lulu

      Excluir